&

Salers

& Salers forte e champanhe Brut Rosé

O champanhe…

… um Brut Rosé. Este champanhe é fabricado apenas com uma única casta, o Pinot Noir, e permanece na adega durante mais de dois anos.

A abordagem sensorial: a sua cor rosa tem intensos reflexos de cobre. No nariz, o Rosé revela notas de frutos vermelhos (framboesa madura e por vezes, groselha). Na boca é forte e os frutos vermelhos estão ainda mais presentes. Graças à formação da espuma a baixa temperatura, uma efervescência com uma grande delicadeza revela um sabor de citrinos e especiarias.

 

O queijo…

… o Salers AOP que tem uma massa prensada não cozida proveniente de Auvergne.

A abordagem sensorial: a crosta seca e espessa envolve uma massa amarela. Tem um cheiro de animal que anuncia um sabor de ervas, úmido e amanteigado. Este queijo grande e forte, melhora e desenvolve-se com o tempo. É apenas consumido entre o outono e o final do inverno.

 

A combinação

O Salers deve a gordura da sua massa à concentração de leite e o seu aroma à duração da maturação. O teor de sal é muito elevado e adora as notas de citrinos e especiarias do Brut Rosé. Além disso, destaca-se a “resistência” do champanhe em relação a uma das massas mais excepcionais e fortes dos queijos franceses.