&

Brie de Meaux

& Brie de Meaux e vinho do Porto Quinta do Infantado Branco Seco

O queijo: Brie de Meaux…

Este queijo tem uma crosta bolorenta branca e ligeiramente estriada, além de uma massa cremosa e homogênea de um branco pérola pálido que proporciona aromas de fermentação e avelãs. Na boca, a matéria derrete-se e cobre elegantemente as papilas gustativas.

 

A bebida: vinho do Porto Quinta do Infantado Branco Seco…

O vinho do Porto branco é o menos conhecido dos vinhos do Porto mas a verdade é que existe! Este tem uma cor amarela quase alaranjada. Oferece aromas de uva seca, maçã e melão que criam um bouquet natural frutado e intenso. Na boca, este vinho do Porto é pouco licoroso o que lhe confere a classificação de “seco” mas tem uma certa macieza, uma matéria rica e um toque suave sendo que termina com notas de râncio.

Temperatura para servir

Existem duas maneiras de servir o vinho do Porto. A primeira recomenda que o vinho seja servido à temperatura ambiente. Neste caso, o vinho do Porto parece mais forte do que é e acentua os seus aromas sob pena de comprometer a harmonia pretendida. A segunda propõe que este vinho seja servido frio a uma temperatura entre cerca de 8 e 9 °C para “alisar” os seus aromas e a sua potência de álcool, o que lhe permite preparar melhor a combinação entre o vinho do Porto e o queijo.

 

A combinação de texturas e sabores

O vinho do Porto branco deixa antecipar sensações deliciosas que são confirmadas no nariz que desperta graças às suas notas frutadas de uva seca que são dominantes. Isto ajuda a salivar e preparar para o que se segue. Na degustação, o Brie de Meaux oferece os seus encantos plenos de delicadeza com notas de frutos secos (avelã) e cremosidade (lado cremoso). Prova-se este queijo e depois se bebe um pequeno gole de vinho do Porto para que possa proporcionar uma presença muito tátil a esta massa viva terminando com uma harmonia exemplar. A obra aromática e as sensações tácteis combinam-se maravilhosamente.